Higiene e Desinfecção quando for fazer cerveja

O cuidado mais importante a ter na elaboração de cerveja é a higiene e desinfecção de todo o equipamento. O mosto de cerveja é um meio extremamente rico em açúcares e compostos azotados, ou seja o paraíso para qualquer microorganismo. A própria cerveja também é bastante susceptível à acção de microorganismos, como é o caso de bacterias acéticas que transformam o álcool em ácido acético, ou seja, azedam a cerveja. Para evitar que se desenvolvam microorganismos, todo o material (fermentadores, termómetros, densímetros, sifões, garrafas, capsulas, etc.) deverá ser escrupulosamente limpo, desinfectado e passado por água.

Beer bottles sanitization and hygiene at home. Simple home brewing equipment, beer bottle washer and bottles drying rack.

Limpeza do local da fabricação

Todo o equipamento deverá estar perfeitamente limpo, sem depósitos de sujidade, antes de ser usado. Aconselha-se que logo após o uso se lave convenientemente todo o equipamento e passe por água.

Desaconselha-se o uso de detergentes na limpeza do equipamento. Os detergentes perfumados poderão contaminar a cerveja com aromas completamente indesejados. O minimo resíduo de detergente poderá ser detectado a nível do aroma e sabor e pode também arruinar a espuma da cerveja. Caso use detergentes, escolha detergentes não perfumados e à base de fosfatos, que são relativamente fáceis de remover, e deverá passar o equipamento várias vezes por água até remover o mais ténue resíduo destes produtos.

Pode usar lixívia* diluída (5mL por litro) na limpeza do equipamento. Este produto permite remover depósitos e manchas de equipamento de plástico e vidro. Após removida a sujidade passe o equipamento por água limpa. Por ser corrosiva, a lixívia não pode ser usada na limpeza de cobre ou latão. Pode ser usada em aço inox por periodos de tempo limitados (nunca mais de meia hora).

Para a remoção de sujidades mais dificeis pode usar-se soda cáustica. Este produto é normalmente vendido em drogarias na forma de sólido granulado. Tenha muito cuidado a manipular a soda cáustica, trata-se de um produto extremamente corrosivo e por atacar a pele aconselha-se o uso de luvas e protecção para os olhos. Uma concentração de 1 g de soda por litro de solução de limpeza é suficiente para a maioria das situações. Após removida a sujidade passe o equipamento por água limpa. Não usar em alumínio, latão ou cobre.

Desinfecção

O equipamento depois de limpo deve ser desinfectado antes de contactar com o mosto/cerveja. Para este efeito é necessário mergulhar o equipamento numa solução desinfectante que garanta a eliminição dos microorganismos. Para este efeito usa-se uma solução diluída de lixívia*, 5mL de lixívia por litro de água. O equipamento deve ser mergulhado nesta solução durante 20 minutos. Muitos cervejeiros caseiros preparam a solução de desinfectante no próprio fermentador, onde mergulham o restante equipamento (colher, borbulhador, termómetro, densímetro, etc.). Deste modo todo o equipamento, incluindo o próprio fermentador ficam desinfectados.

Antes de ser usado, o equipamento e garrafas devem ser passados por água limpa!

* Não usar lixivias perfumadas, com detergentes ou contendo qualquer aditivo (p. ex. agentes protectores para roupa.).

Next Article

Engarrafar cerveja caseira